Liechtenstein 1


O que vocês acham de atravessar fronteiras? Vamos conhecer um país vizinho da Suíça?

Liechtenstein

Foto divulgação. Autor: St9191 da wikipédia. Fronteira com a Suíça

Apresentando: 

Liechtenstein !! 😀

Ham?? Cuma? Quem? 😮 Hahahaha é isso mesmo, Liechtenstein, nunca ouviu falar? Eu também não, até vir morar aqui.

Liechtenstein

Foto do site http://www.liechtenstein.li

Passamos uma tarde em Liechtenstein, mais precisamente na Capital Vaduz. Esse país quase desconhecido está localizado no coração da Europa, rodeado de montanhas e Alpes, entre a Áustria e a Suíça. É um dos menores Estados independentes do mundo. Possui pouco mais de 34 mil habitantes em seus 160 km2.

É uma região tranquila e ao meu ponto de vista, pode-se perfeitamente ser confundido a mais um “Cantão” ou uma cidade da Suíça. Sua moeda é o Franco-Suíço e sua língua oficial é o Alemão. Liechtenstein não possui aeroporto, o mais usado é de Zurique.

No mundo de hoje fica difícil entender como podem existir países como Liechtenstein, um país minúsculo,  de território monárquico, semi-autônomo e dependente em quase tudo dos países vizinhos. Mas no decorrer vocês já entenderão como ele se “sustenta” ou “sobrevive”, Liechtensteinapesar de sua dependência é considerado um dos países mais ricos do mundo, é claro  que ele conta com uma “pequena ajuda”, pois é um paraíso fiscal.

Como principado, Liechtenstein não possui eleições, o poder é repassado de pai para filho. Atualmente o
príncipe soberano é Hans Adam II, seguido pelo príncipe regente, Aloísio e o primeiro-ministro Otmar Hasler.

Existem 11 cidades neste pequeno país, onde a mais famosa, claro é a Capital Vaduz, pois encontra-se ali o Castelo de Vaduz, residência oficial da família real de Liechtenstein.

Os dados abaixo são extraídos da Wikipédia, achei interessante , como esse país é organizado e acredito ser de grande valia ressaltá-lo, talvez pode servir de inspiração e exemplo a alguns países. Entenda um pouquinho porque Liechtenstein é tão rico, poderoso e desenvolvido: Economia, Educação e Saúde.

” … Apesar de ser pequeno na área geográfica e de possuir limitados recursos, Liechtenstein é um dos estados mais ricos do mundo e um dos poucos países no mundo com mais empresas e/ou companhias internacionais por habitante. Tem um desenvolvimento próspero, audaz e com uma economia livre. Nos últimos anos, Liechtenstein transformou-se em um país altamente industrializado, produtor têxtil e farmacêutico.
Com um escasso território, Liechtenstein importa quase tudo o que consome. Mais de 90% da sua energia é importada. Inclusive, as matérias primas para a sua desenvolvidíssma indústria resultam da importação. Mas a sua poderosa indústria permite que as exportações superem eficazmente as importações.
O Liechtenstein tem uma complexa e eficaz estrutura escolar, que passa pela pré-educação, a educação primária, a educação secundária e, opcionalmente, a educação universitária. Resultante destas bases educacionais, segundos registos oficiais, 0% da população é analfabeta. Todos os professores, antes de lecionarem, recebem um treino na Áustria, Suíça ou Alemanha. Somente depois deste processo é que os professores conquistam o certificado, com o qual poderão lecionar.
O Sistema de Saúde de Liechtenstein é muito eficiente e tecnologicamente avançado. Boa parte dos fundos governamentais do país são investidos na manutenção dos aparelhos de saúde distribuídos pelo país e em novas tecnologias, para fornecer aos cidadãos um sistema de saúde topo de gama, eficaz e com tecnologia de ponta.
Contudo, a saúde privada custa caro a quem dela usufrui. Para os turistas, por exemplo, caso tenham algum incidente no país, antes da viagem as agências promotoras intermedeiam contratos com o Estado, tornando os custos dos atendimentos médicos mais baratos para o cliente. Inclusive, mesmo os pequenos atendimentos médicos e os serviços de emergência são pagos…”

Para mais informações e dados do país basta clicar aqui.

Depois de uma aula bem básica sobre esse curioso país, vamos retornar ao passeio? 😀

Já havíamos nos programado para esse evento à dias, mas o dia chuvoso e frio em pleno verão quase nos fez desistir.

Mas, tínhamos uma festa programada. 😉 Então… lá fomos nós!

Era festa Nacional (Nationalfeiertag) em Vaduz. É uma festa tradicional do país, que ocorre todo dia 15 de agosto.

Liechtenstein

Pela manhã,  nos jardins do Castelo acontece a cerimônia de abertura com a presença da família Real, um café da manhã é oferecido aos convidados, o príncipe soberano e sua família atendem a imprensa e a população.

Logo mais no centro da cidade as festividades se iniciam, vários palcos alternativos com músicas para todos os gostos, barraquinhas de várias nacionalidades dão a festa uma sensação de acolhimento aos turistas que prestigiam o evento. (Me disseram que haveria uma barraquinha do Brasil por lá, mas infelizmente eu não encontrei 🙁 )

Liechtenstein

Pessoal não se intimidou com a chuva!

Os museus exclusivamente neste dia são abertos ao público (gratuito), no Centro de informações da cidade encontramos dois telões contanto a história do país e mostrando as belíssimas paisagens da região. Há! Vale lembrar que Liechtenstein é muito procurada por turistas no inverno, por causa dos Alpes e da prática de esportes.

Sobre Vaduz, a cidade se resume em duas ruas principais Städtle e Äulestrasse, vários restaurantes típios, lojas com diversos produtos artesanais e lembranças de Liechtenstein.

Vaduz Castle, Castelo de Vaduz, Liechtenstein

Ao lado do centro de Informações está localizado o Liechtensteinische Landesmuseum ou também conhecido por Museu Nacional de Liechtenstein, que conta a história do principado, a parte mais importante do museu são as exposições de alguns quadros dos monarcas que já governaram o país, as jóias da coroa e alguns objetos que pertencem a família real.

Passamos também pelo Parlamento do Liechtenstein (Landtag), a fachada externa do prédio chama atenção, pois além de ser super bonitinha, é muito bem decorada. Tem também o Museu do selo e de artes, que no dia de nossa visita estava em exposição a história completa da Atriz Marilyn Monroe. E na mesma rua está a Catedral de Vaduz, chamada de St Florins-Kapelle a mais tradicional do país.

O Castelo de Vaduz domina a paisagem, pois fica bem no alto de uma montanha. Originalmente era uma fortaleza medieval e com o passar dos anos foi sofrendo algumas modificações, tendo algumas alas adicionadas, mas nunca deixou de ser a residência oficial do Príncipe de Liechtenstein. É desde o século 15 que o país é comandado pela mesma família.

Liechtenstein, Castelo de Vaduz, Trilha

Existe uma trilha para chegar até o castelo e quase no topo há um mirante com vista panorâmica de praticamente todo o país(foto no final do artigo). Vale muito a pena subir até lá…

Já sobre o Castelo, é propriedade particular da família Real, portanto o que seria a maior atração da cidade não é aberta ao público, mas mesmo assim você pode tirar algumas fotos pelo lado de fora e se encantar com tamanha beleza, como vocês podem ver na foto abaixo, tirada para o site oficial do país e também está na Wikipédia.

Vaduz Castle, Castelo de Vaduz, Liechtenstein

Foto da Wikipédia

Aqui abaixo um vídeo de Liechtenstein, do Canal Oficial de Liechtenstein Marketing, no Youtube. Nele aparace tudo ou quase tudo que não consegui registrar no dia, em função do mau tempo. Mostra também o príncipe soberano e seu herdeiro e muitas outras maravilhas desse minúsculo país riquíssimo de cultura e beleza.

PS: Para os “curiosos” como eu, vale clicar em todos os links do artigo, o que particularmente me chamou a atenção foi a fortuna que a família real de Liechtenstein possui 😮 . Após ler praticamente tudo sobre esse país que encontrei na internet, pude perceber que a família Real agrada e muito a população, apesar do custo de vida altíssimo, os salários são ótimos e consequentemente a qualidade de vida é excelente.

Vou deixar mais algumas fotos que registramos em Vaduz no final do artigo. 😉

Beijo Grande e até a próxima.

Gostou do artigo? Compartilhe com seus amigos:

Facebook ,

Twitter ,

Google + ,

Instagram.

Blog da Suíça

Liechtenstein,Nationalfeiertag, Vaduz

Vaduz Castle, Castelo de Vaduz, Liechtenstein

Nationalfeiertag, VaduzLiechtenstein, Castelo de Vaduz

Castelo de Vaduz, Liechtenstein

Liechtenstein, Castelo de VaduzLiechtenstein


Sobre Kellyn Mazzucco

A Catarinense, Kellyn Mazzucco, mora atualmente na Suíça, já morou na Itália de 2008 a 2010. É Assistente Social, e pós graduada em Recursos Humanos, foi colunista social por 5 anos na sua cidade natal, Canoinhas-SC. Sua curiosidade, vontade de explorar e sua paixão por fotos agora dão vida ao Blog "Um lindo dia para Sorrir!".


Gostou do artigo? Deixe um comentário!

Um pensamento em “Liechtenstein

  • Judite Artner dos Santos

    Meu Deus! Me encantei com tudo o que vi. Realmente é um país extraordinário em beleza e riqueza! Quem diria que um dia eu estaria nesse lugar tão encantador! Bjos no coração!